festa infantil
festa, Infantil, Organização

Como decorar uma festa infantil em 7 passos

Muitas famílias organizam por si próprias a decoração dos aniversários infantis, o que não significa falta de capricho. Para dar certo, é fundamental definir um conceito para a festa, ter um orçamento delimitado, investir no planejamento e organização, além de colocar a mão na massa para executar o projeto.

1. Comece com antecedência

A antecedência ajuda a evitar diversos problemas na decoração da festa infantil, como os gastos imprevistos, resultados mal acabados e outros efeitos indesejados. Por isso, recomenda-se:

  • Contato e visita a profissionais especializados;
  • Conversa com a criança, se ela tiver idade para isso;
  • Observação mais atenta das festas frequentadas;
  • Pesquisa na internet ou em revistas.

Também é importante garantir que os serviços e profissionais necessários para a festa estarão disponíveis na data desejada.

Itens personalizados podem demorar algum tempo para a confecção, mas fazem toda a diferença, como é o caso de guardanapos personalizados de papel, para citar um exemplo.

2. Pense em um conceito

O tema ou estilo da festa é muito importante para nortear a decoração. O conceito deve ser expresso na mesa do bolo, que é importante para as fotos e o momento do “parabéns”, e uma sugestão para isso é a encomenda de painel personalizado.

Embora muitas pessoas se perguntem o que é sublimação, trata-se de uma técnica de impressão com inúmeras vantagens para painéis decorativos.

É válido lembrar que não é necessário se apegar aos super-heróis ou princesas, podem ser escolhidas diferentes cores, formas e decorações para dar um toque especial ao ambiente e agradar ao aniversariante e convidados.

Nesse sentido, é importante refletir a personalidade da criança na comemoração especial.

O painel tecido sublimado é uma ótima opção para quem procura um material durável, que não reflete a luz (perfeito para fotos), que não deforma a imagem com o tempo e pode ser confeccionado em diferentes tamanhos.

Uma dica é conversar com o aniversariante e levar em conta as ideias possíveis. Essa consulta também inclui brincadeiras, comidinhas, doces e salgados, atrações, músicas, convidados e outros desejos que a criança pode ter.

É preciso anotar tudo, dar prazos para mudanças e revisar as ideias com a criança conforme a data se aproxima.

3. Faça listas

As listas são essenciais para a organização das ideias, garantindo que nenhum detalhe fique para trás na decoração da festa infantil.

Elas são úteis em diversos momentos do planejamento e da execução do projeto, enumerando afazeres ou detalhes.

Também é possível encontrar uma grande quantidade de listas online, com rápidas pesquisas na internet, que ensinam detalhadamente ideias de decoração para festas.

4. Pense no orçamento e nos convidados

O orçamento é essencial na organização de uma festa. Afinal, sabendo o recurso disponível é possível ter uma ideia de:

  • Quantas pessoas podem ser convidadas;
  • Onde pode ser realizada a festa;
  • Quantidades de comida e bebida;
  • Tamanho do bolo de aniversário;
  • Confecção e envio de convites;
  • Quantidade necessária de mesas e cadeiras.

Convites e cardápio da festa podem levar em consideração o tema escolhido. Geralmente, a recomendação é que a entrega de convites seja feita com 20 a 40 dias de antecedência.

5. Tenha certeza do que é possível no ambiente

A empolgação no planejamento da decoração da festa infantil é completamente normal, mas geralmente os espaços alugados demandam “pé no chão”.

Se, além do painel de aniversário, os pais desejam contratar um teatrinho de fantoches ou um DJ, por exemplo, é preciso ter certeza das regras do local, evitando problemas com vizinhos ou locadores.

Também é importante respeitar os horários estabelecidos para as festas, que determinam a duração, principalmente nos espaços alugados.

6. Divida o ambiente em áreas

De uma maneira geral, uma festa infantil precisa ter:

  • Área para convidados em mesas e cadeiras;
  • Área livre para brincadeiras;
  • Boa circulação para os convidados;
  • Banheiros fáceis de acessar e sempre limpos;
  • Mesa do bolo e painel;

O planejamento detalhado ajudará na definição dos espaços de acordo com a necessidade. No caso de festas em casa o resultado também pode ser muito bom para festas mais intimistas, com a reorganização dos móveis.

7. Personalize ao máximo

A personalização é de extrema importância na decoração das festas infantis. Uma dica é começar pela mesa de bolo e painel, com fitas, pompons, bolas e utensílios, decorados com saquinho para talher, para exemplificar.

Docinhos também devem ser expostos de maneira organizada e bonita, em harmonia com pequenos objetos decorativos.

A personalização exige organização com antecedência, mas pode render um espaço especialmente enfeitado.

Lembrancinhas devem ser gostosas ou úteis, mas também devem ter um toque especial, lembrando a comemoração e o aniversariante. O melhor é que os clássicos saquinhos para lembrancinhas também servem para decorar, e chamam a atenção dos pequenos.

Ao final, a arte de dar boas festas infantis pode ser aprendida com bastante dedicação e atenção às dicas, proporcionando um aniversário infantil inesquecível.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *